Anúncio

Collapse
No announcement yet.

iFi Nano iDSD

Collapse
X
 
  • Filter
  • Horas
  • Show
Clear All
new posts

  • iFi Nano iDSD



    O iFi Nano iDSD, distribuído em Portugal pela Esotérico, é um produto que surge repleto de superlativos – o que contrasta com as suas diminutas dimensões: é o DAC (conversor digital/analógico) audiófilo portátil (apenas 163 gramas) mais pequeno do mundo, capaz de reproduzir nativamente todos os formatos áudio não comprimidos e de alta resolução: PCM, DSD e DXD.

    A sua forma portátil (pode ser alimentado através de uma bateria interna ou por USB) esconde um verdadeiro concentrado de tecnologia de ponta. Através da tecnologia True Native da empresa britânica AMR (Abbingdon Music Research), o formato da música mantém-se intacto desde a entrada até à saída.

    Quer se trate de sinais de alta resolução PCM (32bit/384kHz), DSD (6.2MHz) ou DXD (384kHz) reproduzidos a partir de computador ou de dispositivos iPhone/iPad/Android, o resultado é sempre o mesmo: impressionante. É como se um novo mundo de qualidade de áudio high end ficasse repentinamente ao alcance de toda uma nova geração de utilizadores.

    O seu pequeno chassis em alumínio maquinado cabe na palma da mão (o iDSD mede apenas 8,7x6,8x2,8 cm) mas incorpora tudo o que é necessário para oferecer a máxima qualidade musical em dispositivos portáteis, incluindo uma bateria de polímeros de lítio e uma saída de alta qualidade para auscultadores.

    Mas o iDSD é tão extraordinário “na rua”, para alimentar auscultadores ou auriculares com som de alta qualidade, como ligado a um computador ou até mesmo a sistema de Hi-Fi doméstico de alta qualidade, uma vez que oferece não apenas uma saída estéreo através de duas tomadas RCA standard como também uma saída digital coaxial para ligação a recetores A/V ou a qualquer outro sistema de alta-fidelidade.

    O melhor som, qualquer que seja o formato
    A iFi preza o facto de ser “agnóstica” em termos de formatos de áudio. O que lhe importa não é saber qual é superior, mas sim a reprodução de todos eles da melhor forma possível.

    Na prática, isto significa que cada produto da iFi começa com a seleção do chipset mais avançado do mercado para o objetivo pretendido e, depois, é feita uma implementação exemplar dessa tecnologia.

    No caso do iFi Nano iDSD, a escolha recaiu sobre um DAC da Burr-Brown (BB), empresa lendária no campo do áudio digital. A BB foi entretanto comprada pela Texas Instruments (TI), mas a iFi faz questão de salientar que o chip escolhido para este projeto foi concebido pela própria BB Japan – ou seja, não se limita a ser um chip da TI com a marca BB. Na verdade, este circuito em particular é considerado pelos aficionados em todo o mundo como o “canto do cisne” da Burr-Brown – o derradeiro chip audiófilo antes da total integração da BB na TI.

    Mas ter um chipset capaz de reproduzir todos os formatos serviria de pouco se todo o processamento não fosse realizado de forma nativa, isto é, sem necessidade de conversão entre um formato e outro, de forma a manter inalterado o sinal áudio ao longo de todo o processo.

    E foi isso mesmo que a iFi conseguiu com o Nano iDSD: um DAC que retém a integridade do sinal e, por conseguinte, a integridade musical desde que entra até que sai do dispositivo.

    Áudio digital à prova de futuro
    A reprodução de áudio a partir de sistemas informáticos está a avançar a grande velocidade. E o iDSD está na primeira linha desta tendência tecnológica, sendo capaz de se transformar numa fonte de áudio high-end capaz de reproduzir todos os formatos não só a partir de computadores, mas também quando conjugado com dispositivos iPhone/iPad/Android.

    Os últimos avanços tecnológicos dos dispositivos móveis, tais como os equipamentos iPhone/iPad/Android, transformaram-nos em verdadeiras fontes de áudio de alta qualidade – desde que conjugados com as apps, cabos e dispositivos certos.

    As últimas iterações dos dispositivos móveis de última geração mais conhecidos são capazes de codificar e transmitir nativamente áudio de alta resolução PCM/DSD/DXD. E uma vez que o iDSD foi concebido para descodificar nativamente esses mesmos formatos, a combinação entre aqueles dispositivos e o iFi iDSD oferece uma qualidade de reprodução de som verdadeiramente extraordinária capaz de ser desfrutada quer na rua, quer em casa.

    O iFi Nano iDSD suporta os seguintes formatos áudio de alta resolução:

    • PCM (Pulse Code Modulation, o formato usado pelo CD áudio e outras fontes de áudio digital) desde 16/44kHz até 32/384kHz;
    • DSD (Direct Stream Digital, o formato usado nos SuperAudioCD) até 6,2MHz;
    • DXD (Digital eXtreme Definition, o formato usado para masterização do SACD) até 384kHz.

    Um DAC com estas capacidades é extremamente difícil de encontrar no mercado, sob qualquer forma e a qualquer preço, e muito mais difícil ainda quando sabemos que o iDSD representa o estado-da-arte a um preço acessível.

    O iFi Nano iDSD está já disponível em Portugal, através da Esotérico, com um preço sugerido de apenas €209.

    Mais informações em www.esoterico.pt e em http://ifi-audio.com/portfolio-view/nano-idsd/
    – Duke Ellington

    http://www.relogiospt.eu/

  • #2
    Re: iFi Nano iDSD

    Interessante

    Comment

    Working...
    X